Serzedelo: Alberto Martins quer garantir futuro com escalões de formação

O novo presidente do Serzedelo pretende que a equipa principal se apoie, no futuro, nas camadas jovens, que vão regressar ao clube. Para a próxima época, os vimaranenses contam, para já, com um plantel de 14 jogadores e querem alcançar a manutenção no Pró-Nacional, com a melhor classificação.

Alberto Martins tomou posse como presidente do Serzedelo no início do mês, substituindo Joana Vaz Vieira, que liderou a comissão administrativa que dirigiu o clube na época anterior, e as metas para o mandato de dois anos são claras: manutenção no Pró-Nacional e o regresso dos escalões de formação.

“É muito cedo ainda para estarmos a falar de projetos. Aquilo que pretendemos nos próximos tempos é a manutenção onde estamos, tentarmos ficar o melhor classificados possível, de preferência sempre acima do meio da tabela, e, essa será talvez a nossa maior aposta, o reinício das camadas jovens, de forma consciente”, adiantou o dirigente ao Duas Caras.

O responsável deseja que o clube da vila de Serzedelo comece a dar, já na próxima época, os primeiros passos rumo à “autossustentabilidade”, e, para isso, vai dar continuidade ao protocolo com o Moreirense, que treina regularmente no Campo das Oliveiras, e fazer um “orçamento”, que permita ao clube atingir os objetivos, sem por em causa a situação financeira da instituição.

Alberto Martins frisou ainda que, na próxima época, a equipa que veste de amarelo vai tentar, na melhor das hipóteses, obter um lugar “no primeiro quarto da tabela” do principal campeonato da Associação de Futebol de Braga, contando, para já, com 14 jogadores no plantel treinado por Ivo Rodrigues, 11 deles reforços.

O Serzedelo já contratou jogadores que pertenciam a outros emblemas do futebol distrital como Rui Jorge (ex-São Cosme), Hugo Ferreira (ex-Ruivanense), Luís Rodrigues (ex-Sandinenses), David Pinto (ex-Lousado), Bruno Schuster (ex-Desportivo das Aves B), jogadores que já foram das camadas jovens de Vitória – Tiago Francisco e Kuko – e do Moreirense – Zezinho e Pedro Alex – e ainda Martinho Costa e Vítor Hugo Oliveira. Renovou ainda com Pereira, Dani e  Isaías.

O Pró-Nacional, que tem ainda mais quatro equipas vimaranenses, o Brito, o Caçadores das Taipas, o Pevidém e o Amigos de Urgeses, começa a  20 de agosto, e o Serzedelo vai disputar a primeira jornada no terreno do Porto d’Ave.

Texto: Paulo Jorge Lemos