Em 43 anos de democracia, Mariana Silva é a segunda mulher a encabeçar lista para AM

Mariana Silva, do Partido Ecologista Os Verdes, em coligação com o PCP, vai encabeçar a lista de candidatos à Assembleia Municipal (AM) de Guimarães, anunciou a CDU no fim de semana passado. É a segunda mulher, em 40 anos de democracia, a liderar uma candidatura a este órgão autárquico.

Numa análise apenas às eleições ocorridas desde o 25 de abril – foram 11 autárquicas -, tem que se recuar ao ano de 1989 para encontrar uma mulher a encabeçar a lista para a Assembleia Municipal. Ana Maria Lopes também correu pela CDU nas eleições de dezembro desse ano. Mas não foi a primeira opção. Como se lê no Povo de Guimarães de 29 de dezembro de 1989, em julho desse ano, a CDU tinha anunciado Manuel Reis como cabeça-de-lista para a Assembleia Municipal. Mas este nome foi afastado três meses depois. A candidatura viria a ser encabeçada por Ana Maria Lopes, a primeira mulher a liderar a corrida à Assembleia Municipal vimaranense.

Passaram 27 anos para que uma outra mulher encabeçasse a candidatura à Assembleia Municipal. Mariana Silva, 34 anos, está na AM desde 2009 e pertence à Assembleia da União de Freguesias Oliveira do Castelo, São Paio e São Sebastião desde 2013. Anunciou a candidatura no fim de semana passado, num encontro autárquico da CDU.

Vale ressalvar que, para um outro órgão autárquico, a Câmara Municipal de Guimarães, houve uma candidatura em 2005, encabeçada por uma mulher: Luísa Santos, pelo Bloco de Esquerda, concorreu para ser presidente da Câmara.

O nome de Mariana Silva é o segundo a ser lançado para liderar a Assembleia Municipal de Guimarães. Também pela CDU, mas para a presidência da Câmara, corre o atual vereador Torcato Ribeiro. Em abril do ano passado, José Pedro Aguiar-Branco anunciou a sua candidatura à AM pela Coligação Juntos por Guimarães (PSD, CDS e MpT), que apresentou o nome de André Coelho Lima para a Câmara. O Partido Socialista ainda não tem nome para a AM, sendo que é público que António Magalhães não vai a jogo. Domingos Bragança já anunciou que quer recandidatar-se. O Bloco de Esquerda ainda não divulgou o nome para a Câmara nem para a AM.

Texto: Catarina Castro Abreu
Foto: Direitos Reservados