Santa Luzia Arthotel | O jardim

“Dentro de nós há uma coisa que não tem nome, essa coisa é o que somos”. José Saramago

FotorCreated

O passeio de hoje por Guimarães leva-nos esta semana a conhecer o Santa Luzia Arthotel. Chegamos ao Hotel a um sábado ao início da tarde. Mal entramos, somos subtilmente abordados pelo ambiente cativante. As paredes em pedra e a agradável lareira contrastam com a decoração modernas na parede e a iluminação, transportando-nos para uma nobre sensação de suntuosidade e conforto.

FotorCreated2

Os quartos do Hotel Santa Luzia Arthotel, requintadamente decorados, oferecem uma vista privilegiada sobre Guimarães e um design moderno pincelado com detalhes vintage, sinónimo de luxo e conforto elegante. O cenário é completado por cores quentes e um aspeto relaxante, que dão aos quartos um toque fidalgo.

FotorCreated3

O Hotel disponibiliza 99 quartos, dos quais 23 Prestige e 4 Suites Duplex, um SPA que nos oferece um conjunto de experiências que nos proporcionam uma viagem sensorial para o corpo e para a mente. A zona de “águas e quentes”, possui uma piscina dinamizada com jatos de água, um jacuzzi, uma sauna e um banho turco.

FotorCreated4

É ainda possível realizar variados tratamentos, sozinhos ou a dois, nas duas salas de tratamento “Teatro” e “Cinema”.

No Verão, os hóspedes têm à disposição uma magnífica piscina exterior com uma vista incrível para a Penha…

FotorCreated5

Já durante a noite tivemos a oportunidade de conhecer o restaurante do Hotel. Começamos com uma Tabua de Queijo Manchego, Carpaccio de Peixes Fumados e Ameijoas à Bolhão Pato acompanhadas pela acidez, intensidade e fruta do Espumante Terras do Demo 2015. Frescura, qualidade e sabor foram denominadores comuns a estas entradas, das quais destaco a voluptuosidade, consistência e perfume do carpaccio de espadarte.

FotorCreated6

Seguiu-se o Polvo Braseado sobre Puré de Betterraba Amarela, Esponja de Salicórnia e alho negro. A doçura e o sabor térreo da beterraba combinaram lindamente com o fumado do polvo e a ligeira acidez do alho negro e da esponja de salicórnia. Os restantes ingredientes pareciam estar no prato para enobrecer aquele conjunto, fazendo deste prato uma verdadeira festa de texturas, cores e sabores.

FotorCreated7

Esta festa gastronómica cresceu com o pêssego, a ameixa e o alperce do Quinta Nova Grainha Reserva Branco 2016. A mineralidade e aromas tropicais deste vinho são bem evidentes. É elegante, complexo e harmonioso. Um vinho fervorosamente delicado e com uma viscosidade apaixonante.

FotorCreated8

Na carne fomos brindados com um Naco de Maturada na Tábua. O tempo de cura e a confeção adequada realçaram o sabor e elegância da carne, quase como se o suco da carne tivesse sido caramelizado. Muito rica, saborosa e com uma intensidade aromática excelente.

FotorCreated9

Este prato foi sublimemente harmonizado com o elegante e aristocrata Julia Kemper Reserva Tinto 2010. Trajado de púrpura exibia orgulhosamente fruta vermelha, cereja preta, ameixa preta, mineralidade, tosta, café e algumas notas florais. Essas notas florais aliadas a uma boa acidez acentuavam o sabor dos vegetais, a untuosidade da carne e a textura irrepreensível das batatas.

FotorCreated10

Na Triologia de Sobremesas fomos surpreendidos pela orientalidade e frescura da maçã, pela concentração e originalidade da textura de chocolate e pelo conforto gastronómico do creme de ovo.

FotorCreated11

Uma diversidade tão grande de aromas e sabores na triologia exigia um vinho com caracter: o Niepoort 20 anos Tawny. A cor atijolada fazia adivinhar o aroma a fruta em compota, damascos, mel, nozes e amêndoas. Um final perfeito e complexo para um jantar surpreendente.

FotorCreated12

O Santa Luzia, quer o hotel quer o restaurante, conjuga secretamente o conforto e contemporaneidade com o nobre sentimento de viver dia-a-dia desta cidade milenar património da UNESCO. Um refúgio perfeito para estar, apreciar e descobrir Portugal através da sua arte, na cidade que fez nascer o país.

Mário Quintana postulou que o segredo é não correr atrás das borboletas… é cuidar do jardim para que elas venham até você.

Parabéns pelo jardim que construíram no coração de Guimarães, oxalá borboletas não vos faltem 😉

Rua Francisco Agra, 100
4800-157 Guimarães
253 071 800
http://santaluziaarthotel.com